“ Se o vínculo da caridade fraterna é o que distingue os seguidores de Cristo, quanto mais isso deve ser realidade para as religiosas.”

“ Se o vínculo da caridade fraterna é o que distingue os seguidores de Cristo, quanto mais isso deve ser realidade para as religiosas.”

No Evangelho de hoje, disse Jesus aos seus discípulos: antes que estas coisas aconteçam, sereis presos e perseguidos; sereis entregues às sinagogas e postos na prisão; sereis levados diante de reis e governadores por causa do meu nome. Esta será a ocasião em que testemunhareis a vossa fé. Fazei o firme propósito de não planejar com antecedência a própria defesa; porque eu vos darei palavras tão acertadas, que nenhum dos inimigos vos poderá resistir ou rebater. Sereis entregues até mesmo pelos próprios pais, irmãos, parentes e amigos. E eles matarão alguns de vós. Todos vos odiarão por causa do meu nome. Mas vós não perdereis um só fio de cabelo da vossa cabeça. É permanecendo firmes que ireis ganhar a vida! Acreditando nisso Beata Catarina Troiani enfrentava os poderosos para salvar as crianças. Ela ia ter com pessoas importantes e mostrava que sua missão era necessária e que ela morreria tentando cada dia ser melhor na vontade de conseguir alcançar cada dia mais almas para Deus. Ela saiu do convento depois de anos de clausura sabendo que nada seria fácil, mas que tinha fé o suficiente para espalhá-la pelo mundo e assim ela começou indo além mar para marcar a presença de Deus longe de sua terra.

Madre Catarina Troiani