Pentecostes Diocesano – 2017

Neste domingo em Três Corações com a participação das Irmãs Franciscanas Missionárias do Coração Imaculado de Maria no Pentecostes Diocesano 2017. “O Espírito Santo dá assistência à Igreja, relembrando e concordando a obra de Cristo. A vinda do Espírito Santo em Pentecostes traduz-se em uma repentina iluminação de todas as ações e a pessoa de Cristo. Raniero Cantalamessa, nas pregações da quaresma, lembra que Pedro concluiu o seu discurso de Pentecostes com a solene definição, que hoje se diria “urbi et orbi”– termo latino que significa “à cidade de Roma e ao mundo” em português, era a abertura de pronunciamentos romanos e atualmente é como é denominado a bênção de Páscoa e Natal, onde o Papa se dirige ao público em geral na Praça de São Pedro, na Itália. De igual magnitude desse pronunciamento urbi et orbi foi a proclamação de Pedro no seu discurso de Pentecostes: “Que toda a casa de Israel saiba, portanto, com a maior certeza de que este Jesus que vós crucificastes, Deus o constituiu Senhor (Kyrios) e Messias” (At 2,36). A partir daquele dia, a comunidade primitiva começou a repassar a vida de Jesus, a sua morte e a sua ressurreição, de maneira diversa; tudo pareceu claro, como se tivesse sido tirado um véu de seus olhos (cf. 2 Cor 3,16). Mesmo vivendo lado a lado com ele, sem o Espírito não tinham podido penetrar em profundidade em seu mistérios.