5 ensinamentos básicos de Jesus sobre a oração

web3-jesus-sermon-on-the-mount

Entre os mais importantes ensinamentos de Jesus, encontramos sua abordagem da oração e sua compreensão íntima dessa prática. Nos Evangelhos, Jesus ensina seus discípulos a rezar e, mais importante que isso, dá orientações claras sobre o que é a oração, descrevendo-a como um relacionamento pessoal não somente com Deus, mas também com outros seres humanos e com a criação como um todo.

Os Evangelhos têm passagens completas sobre a oração pessoal e comunitária que, em última análise, exigem uma reavaliação da própria vida de oração. Aqui estão cinco lições fundamentais sobre essa prática tiradas diretamente das Escrituras. Será muito útil a todos.

REZAR SEM SER VISTO

“Quando orardes, não façais como os hipócritas, que gostam de orar de pé nas sinagogas e nas esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade eu vos digo: já receberam sua recompensa. Quando orares, entra no teu quarto, fecha a porta e ora ao teu Pai em segredo; e teu Pai, que vê num lugar oculto, te recompensará” (Mateus 6, 5-6).

ANTES DE REZAR, RECONCILIE-SE COM OS OUTROS

“Se estás, portanto, para fazer a tua oferta diante do altar e te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, deixa lá a tua oferta diante do altar e vai primeiro reconci­liar-te com teu irmão; só então vem fazer a tua oferta” (Mateus 5, 23-24).

REZE ANTES DE TOMAR DECISÕES IMPORTANTES

“Naqueles dias, Jesus retirou-se a uma montanha para rezar, e passou aí toda a noite orando a Deus. Ao amanhecer, chamou os seus discípulos e escolheu doze dentre eles que chamou de apóstolos” (Lucas 6: 12-13).

NÃO USE FRASES VAZIAS

“Nas vossas orações, não multipliqueis as palavras, como fazem os pagãos que julgam que serão ouvidos à força de palavras” (Mateus 6, 7).

SEJA OUSADO E ACREDITE QUE DEUS RESPONDERÁ À SUA ORAÇÃO

“Por isso, vos digo: tudo o que pedirdes na oração, crede que o tendes recebido, e vos será dado”
(Marcos 11,24).

Via Alteia